Pesquisar este blog

BEM VINDOS, FIQUEM TODOS A VONTADE PARA LER !


"O SABER DA VIDA "

SÓ APRENDEMOS VIVENDO,
AMANDO, SOFRENDO, LUTANDO.
CRESCEMOS, DIA APÓS DIA,
APÓS OS TOMBOS DA VIDA.
CAÍMOS, MAS SEMPRE
LEVANTAMOS MAIS FORTES,
PARA SEGUIR ADIANTE ESTA
JORNADA QUE É A VIDA....!!!

FELICIDADE VOCÊ A QUER?
BUSQUE-Á, ALMEJE-Á,
ELA ESTÁ BEM PERTO....
PARA AQUELES QUE SONHAM....
PARA AQUELES QUE VÃO ALÉM....
PARA AQUELES QUE CORREM,
SOBEM MONTANHAS, ENTRAM
NO MAR, LUTAM CONTRA A MARÉ....
MAS CHEGAM AO SEU FINAL.
SEJA UM VENCEDOR VOCÊ TAMBÉM!

"DEUS É FIEL"!

Poetisa Célia de Paula

Páginas

02/08/2012

UM ARTIGO DO MEU AMIGO JESSÉ BORDIM


O PECADO NA VIDA HUMANA: A SOLUÇÃO encontrada em cristo!
[1](Jessé Bordim.)

A palavra pecado é um termo utilizado no contexto geral da existência humana, na qual descreve qualquer tipo de desobediência ou transgressão referente à vontade de Deus; em especial, qualquer desconsideração deliberada das Leis divinas. No Hebraico a palavra pecado tem o significado de “errar”, no sentido de errar ou não atingir um alvo, ideal ou padrão, sendo isto uma rebeldia contínua do homem em relação a Deus.
No início da criação, o homem encontrava-se em uma verdadeira plenitude com o Amor de Deus, obedecendo todos os princípios estipulados pelo Todo Poderoso; isto demonstrava à fidelidade que o homem tinha com o Criador, as necessidades da figura humana eram supridas pelo fato de Adão usufruir da criação de Deus[2]; a posição na qual o homem se encontrava é retratada como de plena intimidade com Deus, pois não havia maldade no coração humano.
No Jardim do Éden, Adão e Eva cometeram a primeira transgressão humana perante Deus, sendo isto um colapso que marcou a história da humanidade até os dias de hoje. Adão teve a oportunidade de viver intensamente na Presença de Deus, mas através de seu pecado trouxe um aprisionamento para toda a raça humana. O homem tinha conhecimento da ordem que Deus lhe havia dado para não transgredir perante a vontade do seu SENHOR[3], sendo esta ordem imposta por Deus para testar a fidelidade do seu servo Adão. O homem deixou-se enganar pela tentação agradável aos seus olhos, plantando em seu coração a maldade oferecida por Satanás. Sendo o homem conhecedor e responsável pelos seus atos, Adão e Eva deixaram de viver uma vida eterna na presença de Deus para presenciar a dor e o sofrimento da morte, punição imposta por Deus referente ao pecado humano.

Segundo descrito na Epístola de Paulo aos Romanos, “o salário do pecado é a morte”, sendo que esta expressão utilizada pelo Apostolo Paulo nos faz meditar intensamente no contexto da história do homem segundo a Bíblia Sagrada, pois desde o princípio o Homem tem vivido a dor da morte, sendo que o pecado tem nos aprisionado, fazendo-nos réus perante Deus. Satanás usa o pecado como ferramenta para nos desonrar na presença de Deus, visto que no Livro de Jó, é mencionado que Satanás chegava diante de Deus no intuito de nos acusar, citando nossas falhas para o Todo Poderoso.
Se não fosse o Amor e a misericórdia de Deus para conosco, certamente seriamos banidos da Terra e condenados para uma eternidade de sofrimento. Deus demonstra o seu imenso amor através do Ato mais marcante já acontecido neste mundo, através do seu Filho Jesus Cristo, Ele prova o quão imenso e eterno é o seu amor para conosco[4].
A morte de Cristo foi o modo necessário para a redenção do Ser Humano perante Deus; antes de Jesus o Homem estava condenado pelo pecado, a sentença de uma morte eterna estava decretada, não haveria esperança sobre a raça humana, mas através da crucificação do Filho de Deus, houve uma nova oportunidade da Reconciliação dos Homens com Deus. Hoje temos a oportunidade de viver novamente na presença de Deus.
Jesus Cristo sofreu nossas dores, assumindo a forma e posição de servo, para mostrar ao mundo uma nova forma de se viver, onde o amor e seus ensinamentos transformam vidas até os dias atuais. 



REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS.
Bíblia Sagrada, Almeida Corrigida e Revisada, Editora SBB – 2000.


[1] Membro da Igreja Assembléia de Deus - Estudante em teologia.
[2] Bíblia Sagrada: “E tomou o SENHOR Deus o homem, e o pôs no jardim do Éden para o lavrar e o guardar” – Genesis 2:15.
[3] Bíblia Sagrada: “Mas da árvore do conhecimento do bem e do mal, dela não comerás; porque no dia em que dela comeres, certamente morrerás.” – Genesis 2:17.

4 Sagrada: “Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu o seu Filho unigênito, para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna”. João 3:16.

Nenhum comentário:

Postar um comentário